No interior do estado de São Paulo, existem médicos muito capazes e honestos que eu tenho que tirar o chapéu para eles, mas muitos médicos (maioria entre todos do leste paulista) que se acham doutores, e alem de não o serem, não sei se poderiam ser chamados assim de médicos. Porque? É muito simples. Se um ser humano procura um médico ele procura para ser medicado e curado de suas infermidades, mas alguns “médicos” não cumprem o que constam no seu diploma, são uns picaretas, sem vergonhas, enganadores, e que não deveriam nunca ou jamais exercer a profissão de médico (dentre eles que lembro de imediato do Médico “Dr.” Antônio Celso, que operou uma moça e que acabou cortando o intestino dela por “acidente” durante uma cirurgia). Operam apenas por operar, pra ganhar o dinheiro da cirurgia, apenas abrindo o paciente mas não retirando o tumor que deveria retirar; esperar o paciente ficar extremamente doente em estado quase terminal, sabendo que poderia ser tratado, curado, que estava pouco doente, espera o estado do paciente se agravar para prestar socorro. Uma coisa é que não sei ao certo dizer é que se realmente há falta de competencia desses intitulados médicos ou simplesmente pura descarada negligencia por uma boa parte deles. Istos acontece principalmente em São João da Boa Vista SP, e cidades circunvizinhas, onde bons médicos são poucos, e os maus médicos são maioria.

Anúncios