De olho nos indecisos, os candidatos ao governo dos 26 estados e do Distrito Federal participam nesta teça-feira, a partir das 22h30m, de debates promovidos pela Rede Globo. Na quinta-feira, último dia pela lei para a realização de debates e comícios, será a vez dos presidenciáveis. Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB), Marina Silva (PV) e Plínio de Arruda Sampaio (PSOL) vão se encontrar nos estúdios da Rede Globo no Rio. O debate está marcado para as 22h30m e terá transmissão ao vivo para todo o Brasil.

Nestes últimos dias de campanha, além dos debates, pesquisas prometem mobilizar os eleitores. Entre esta terça e quinta-feira, Datafolha, Ibope e Sensus divulgam pesquisa sobre a corrida presidencial. O Datafolha apresenta também a intenção de votos para governador no Rio, em São Paulo, Minas, Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Paraná. Já o Ibope divulga os dados da disputa pelo governo do Tocantins.

Na quinta-feira, os eleitores do Maranhão, Ceará, Rio Grande do Norte e Mato Grosso do Sul ficam sabendo como anda a corrida pelo governo nesses estados, graças a pesquisas que serão divulgadas pelo Ibope. Na sexta-feira, é a vez dos eleitores de Alagoas.

Na véspera da eleição, último dia para a divulgação de pesquisas eleitorais, o Ibope mostra como estão as intenções de voto para presidente e também para os governos de 17 estados: Rio, São Paulo, Minas, Bahia, Pernambuco, Paraná, Santa Catarina, Pará, Amazonas, Goiás, Sergipe, Paraíba, Tocantins, Roraima, Acre, Amapá e Rondônia.

Sábado também é o último dia para quem ainda tem que pegar a segunda via do título eleitoral, que pode ser requerida até o dia 30, quinta-feira. No entanto, a partir desta terça-feira, quando faltam cinco dias para a eleição, e até 48 horas depois do encerramento da votação, segundo o código eleitoral, nenhum eleitor pode ser detido ou preso, exceto se for em flagrante ou a partir de sentença criminal condenatória por crime inafiançável.

Também só até sábado os candidatos podem, entre 8h e 22h, distribuir material de campanha, promover carreatas e fazer corpo a corpo com os eleitores.

A propaganda eleitoral no rádio e na TV termina nesta quinta.

No domingo, dia da eleição, estão proibidos propaganda e boca de urna, uso de alto-falantes e amplificadores, comícios, carreatas e divulgação de propaganda partidária. Mesários não podem usar roupas ou objetos que contenham propaganda política.

Fonte: oglobo.globo.com/

O conteúdo deste post é apenas de divulgação não visando qualquer meio de ganho comercial. Não sendo também de uso profissional, pois não sou um profissonal que me dedico ao jornalismo.

O conteúdo deste desta notícia pertence ao O Globo®, todos os direitos reservados.

Anúncios