Tag Archive: energia a preço justo


Clique aqui e participe da campanha Energia à preço Justo

www.energiaaprecojusto.com.br

Por Dulce Moraes, Agência Indusnet Fiesp.

Mobilização da Fiesp em prol da redução do preço de energia elétrica do País teve repercussão em veículos nacionais e regionais

Nos últimos dias, a campanha Energia a Preço Justo, iniciada pela Federação e Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp/Ciesp) com o objetivo de mobilizar a opinião pública para que se cumpra a realização dos leilões de concessões de energia elétrica, como previsto em lei, ganhou espaço de destaque na mídia nacional e regional.

Em artigo no jornal Folha de S. Paulo, nesta segunda-feira (22), a colunista e especialista em direito do consumidor, Maria Inês Dolci, referiu-se à campanha como uma oportunidade de “frear a drenagem de dinheiro para as arcas do erário para programas de aceleração do desperdício” e afirmou seu desejo de que toda a sociedade brasileira se mobilize em torno do pleito. “Já pagamos várias vezes a conta bilionária da construção de usinas hidrelétricas. Mas, como cobrar dos outros é uma delícia para os governos e para as corporações, eles nem sonham em paralisar essa derrama”, ironiza.

Pelo interior do estado de São Paulo, vários veículos regionais também destacaram a campanha. Nas versões impressas e online dos jornais Comércio da Franca, Diário de Mogi das Cruzes, O Liberal (Americana) e O Vale (São José dos Campos), entre outros, publicaram a entrevista do presidente da Fiesp, Paulo Skaf, à Associação Paulista de Jornais.

Na entrevista, o empresário ressalta a necessidade de se realizar as licitações, não apenas por uma questão de justiça, já que está previsto em Lei, mas porque significará uma economia de até 15% na conta de luz para o consumidor. Skaf também relembra que o alto custo de energia praticado no País afeta drasticamente a competitividade nacional, sendo um forte peso para indústria.

O Cruzeiro do Sul enfatizou o questionamento de Skaf sobre o Brasil produzir a energia mais barata (hidrelétrica) e ter uma das tarifas de energia mais caras do mundo. A reportagem também ouviu a senadora Lúcia Vânia, presidente da comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado, que lamentou a demora das definições do governo federal. Em outra matéria, o mesmo Jornal explica que o preço médio da energia comercializada pelas usinas é de R$ 90,98 por megawatt-hora (MWh) e que nos leilões mais recentes de concessão (Santo Antônio, Jirau, Belo Monte e Teles Pires) o preço da energia gerada, descontada a amortização dos investimentos, chegou a R$ 20,69 por MWh.

A campanha Energia a Preço Justo também teve destaque na rede mundial, nesta semana. O portal R7 (da TV Record) divulgou a entrevista de Paulo Skaf à jornalista Christina Lemos.

Toda a cobertura da campanha, na mídia, está sendo acompanhada no site Energia a Preço Justo (www.energiaaprecojusto.com.br), pelo qual o internauta também pode assinar ao manifesto pela realização dos leilões.

Fonte: http://www.fiesp.com.r