Tag Archive: palavras ao vento


por Gustavo Araujo de A. C.  (Blog do Brasileirinho)

Se voce todas as vezes se pergunta:
“Por que fazer a prizatização de uma obra ou instituição, isso é bom?”
Muitos políticos de partidos de esquerda ficam falando “o governo privatizou isso…”, “o governo privatizou aquilo…”, mas afinal de contas, isso é ruim ou não?
Para falar a verdade, não é de tão ruim assim, pelo simples motivo de que com a privatização ela se torna privada, ou seja, uma empresa particular, não pertencendo mais ao governo e sim a terceiros, deixando a responsabilidade de custeio e manutenção por conta dos donos dela, não mais do governo, e pelo fato de a empresa ser particular, e ser o investimento dos donos dela que está em jogo (e o dinheiro deles também), são meio que obrigados a manter a empresa e fazê-la funcionar, dar lucro e crescer. Também tem o detalhe que é muito bom em questão de evoluir e trazer novas tecnolgias tambem, um exemplo disso foi a privatização da Telesp em São Paulo, que foi comprada e incorporada pela Telefonica, e que apesar de nos dar “algumas dores de cabeça, em algumas vezes”, fez com que fosse facilitado o serviço de telefone fixo para a maioria das pessoas, onde primeiro voce era obrigado a pagar a bagatela de R$300 mair ou menos para se ter um telefone; mas  apesar de tudo, a Telefonica, foi espertinha, e ao invés de vender a linha, pensou: “Porque vender a linha, e demorar pra obter lucro, não seria mais facil alugar e ter mais gente pagando um aluguel do que comprando?” (é verdade, a gente tem em casa uma linha alugada, e não é nossa; tanto que se a  gente cancela e depois manda religar, eles não são obrigados a manterem o mesmo número), foi o que ela fez, e antes do que era a Telesp, uma empresa quebrada e falida, se tornou uma empresa muito lucrativa, valendo 100 vezes ou mais do que era a Telesp. Além disso trouxe para nós tecnologia de fora, já que a Telefonica é uma empresa espanhola, e como quer manter sua boa imagem de uma empresa que não fica atrás de seus concorrentes, foi obrigada a investir em tecnologia aqui no Brasil, investindo em conexões como a ADSL (Speedy) e até mesmo em conexões de fibra optica (não é exclusividade, mas ela ajudou investir).
Sabia que a maior empresa brasileira hoje, é uma empresa privatizada, que no passado foi uma estatal: a Vale do Rio Doce, e que gera uma quantidade de lucro  em impostos inimaginável para o governo?
Mas afinal, por que se privatiza uma estatal? Pelo simples fato as vezes do governo não conseguir gereciar muito bem (tem o detalhe de alguem meter a mão e rouba-la também), as vezes por má administração dos responsáveis tambem, então privatizar é uma soluçao viável, para impedir inclusive de quebrar e ficar falida.
Se existe um lado ruim da privatização, pelo menos ao meu ver, é para os políticos corruptos que não vão conseguir botar a mão e desviar dinheiro dela na hora que quizer.

(Permitada a divulgação e reprodução com os devidos créditos ao autor).

Anúncios

Bom, estou estagiando no laboratório de informática de uma escola particular a mais ou menos seis meses, e agora fica a pergunta: será que vão me efetivar? Não sei, muitos falam que o lugar onde estou não efetivam estagiários de jeito nenhum, e aquele velho dilema de que, será que depois vou conseguir arranjar um emprego digno, e ter dinheiro para pagar as contas e despesas do mês? Vou ter um pouco de tranquilidade de saber que tenho meu dinheirinho suado de cada mês, sem ficar cismado da possibilidade de ser mandado embora? É uma dúvida cruel, de fato. E tem o detalhe de como estou ainda estudando o meu Técnico em informática (Técnico em Programação e Desenvolvimento de Sistemas), a empresa onde trabalho pode renovar o contrato por mais seis meses de estágio. Estou me tornando um bom técnico, com meus erros e acertos é claro, mas ainda tenho muito a aprender. Além de ter muitos outros problemas que ainda convivo no meu dia-a-dia (e quem não tem problema né, e pensar que tem gente pior que eu), só Deus mesmo para me dar forças e não me fazer desanimar, pois eu sei, que a esperança é a única coisa que morre depois de nós.

Eu começo a repensar sobre estes eventos como Olimpíadas, Copa do Mundo, entre outras coisas que podem ou não serem realizadas no Brasil; sinceramente, acho um desperdício ficar gastando dinheiro público para realizar tais eventos. É claro tais eventos trazem “melhorias” para a cidade sede, gera empregos (temporários, mas gera), atrai turistas e pessoas do estrangeiro e coisa e tal. Mas que vai ter uns espertinhos metendo a mão numa parte do dinheiro investido nesses eventos isso vai ter, não tenha dúvida, e este dinheiro que está sendo investido, poderia ser investido para melhorar outros lugares (não que não tenha como o melhorar, ou não precise melhorar as coisas no Rio, São Paulo, e outras capitais, mas acho que há outros lugares que precisam de mais ajuda e investimento), como por exemplo em Santa Catarina, lá a coisa está muitíssimo complicada, as enchentes castigam a região, pessoas estão desabrigadas, e cadê os jornais falando alguma coisa disso? É, cadê? Se não fosse pela ação de projetos como o Oasis, aquelas pessoas estariam a mercê do desamparo e desespero por não ter a quem recorrer, só restando rezar pra Deus, pois não há muito o que se fazer, já que estão imponentes mediante a situação em que se encontram. É fato que o governo até ajuda um pouco, mas deveria ajudar mais. Mexer com algo que é pra ficar bem e bonito pra tirar foto é facil, quero ver consertarem esses e outros problemas de Santa Catarina e outros lugares que com certeza nem eu mesmo tive conhecimento; ta certo que certas coisas foram consertadas, só que estas coisas dá pra serem contaadas nos dedos das mãos, e o que tem de problemas para serem resolvidos, é impossivel de se contar. Acho que deveria haver mais interesse de se investir em infraestrutura não só em épocas de eventos como estes, mas sim em todos os lugares, mas não pra deixar o lugar mais bonito, mas para melhorar as condições de vida do povo.

Desabafo!

Vagando pelo mundo descobri certas coisas que não poderia entender,quero fazer outras coisas, cansei de ser eu mesmo, quero ser alguém diferente, o que tenho de importante pra dizer as coisas sempre estão errado, do avesso, meus sentimentos estão desviados em devaneios, os meus sonhos estão fora de órbita, conspirados sem conspiração fazendo nada além de alguma coisa, sentado na cadeira do computador, eu me perco no cyberespaço, viajo na estratosfera, esqueço das guerras, me lembro de poucas coisas do meu passado, me perguntaram sobre meu futuro, mas cadê meu presente? Onde está ele? Eu não sou vidente, tenho que sonhar, mas oque eu tenho pra sonhar? Não tenho esperança sobre as coisas, ai, ai,ai …,dias e dias, semanas messes anos, o que realmente faz sentido? Tudo se perde, o que é realmente importante? Que importância damos as coisas? Não sei o que realmente esperar, não quero que niguém venha me dar lições de moral, pra isso me serviria? Críticas, as vezes é bom, mas oque esperar? Não sei, nem tenho idéia, catastróficos, inóspitos habitares, corujas, carros, desemprego, patrão, polícos,ihumanos, áliens, extraterrestres, serpentes, maçãs, herói, bandido, salvador, juíz, juri, carrasco, pedaços, partes, completo, maluquice, estranhos pensamentos, viagens de pensamento, da maionese, loucura, psicóse, paranóia, estigmatismo, cristianismo, protestantismo europeu, cabala, mortalha, navalha,nosferato, peludo gato, satanás, anjos, Deus, o mundo, homem, mulheres, sexo, prazer, amor, sinceridade, amizade,………

Simplesmente um desabafo…

O mundo está perdido!

Aqui está um escrito de um amigo meu:

O mundo está perdido

O mundo está perdido e caminha para extinção. Há transgressão das normas disciplinares dos homens e da própria natureza. As pessoas podem tudo. A marginalização acontece, o menino está com uma arma em punho; o homem mata outro homem, destrói a natureza, põe fogo na mata, mata os outros animais; e fazem coisas que jamais deveriam fazer. Será que ele perdeu o sentido da vida? Ou o sentido da vida nem conheceu?
Antes as pessoas eram mais pacatas, respeitosas, honestas, bondosas, amigas; desemprego, vadiação e outros males; o homem vai se perdendo e se transformando no pior bicho entre os animais.
Como reverter isso? Não sei sinceramente; as pessoas que detêm esse poder estão desfiguradas; seus pensamentos não possuem bases sólidas, parece que elas perderam o senso da razão.
Então, pode-se sugerir mudar as pessoas; trancafiá-las dentro de um pequeno mundo e colocar fogo. Esse expediente seria apenas para aquelas transgressoras. Mas todas são transgressoras, uma em menor e outras em maior grau.
O que fazer? Continuo não sabendo. Fazer leis cada uma com sua própria graduação de pena. Também isso não adianta. As leis dos homens são feitas, mas não são cumpridas nem pelos próprios legisladores. Tudo é baderna, e também tudo está errado.
Infeliz mente, o mundo está perdido e caminha para extinção.

Dejamir da Silva.

————

Realmente eu concordo com o Dejamir, o mundo está realmente um verdadeiro caos, as coisas pioram mesmo a cada dia, poderá haver um apocalipse?

Roubar pode viciar

Hoje a gente vê muita coisa, CPI pra isso ou aquilo, ou vice-versa(pra mim é só uma forma de tornar publico que os políticos fazem, apesar de desconfiar que muitos deles tem algo a esconder, na verdade possivelmente a maioria). Atualmente, está cada vez mais difícil encontrar um político que não esteja disposto a “puxar uma sardinha pra si”, pegando um pouquinho aqui, pegando um “dinheirinho” ali, surrupiando uma “verbinha” por aí; esse negocio de ficar pegando dinheiro pode começar a se tornar um hábito; com certeza todo político corrupto que existe hoje deve talvez ter sido algum dia honesto, mas, da mesma forma que fumar e beber pode fazer você se viciar, roubar também pode se tornar um vício, talvez a maioria não sabe, mas com certeza as vezes os políticos podem ficar doentes, começam a roubar tanto, que não conseguem mais parar. Então eis um recado aos políticos que estão começando: se estiverem, parem de roubar enquanto é tempo, pois depois que viciar, vai ser difícil parar.